Páginas

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Yes, maybe the stars pt. I

Já faz alguns séculos que queria falar do meu mapa astral aqui, mas sempre tive preguiça — afinal, são 10 planetas e 12 casas pra falar. E nessas horas o BEDA parece mais um herói que nos faz escrever sobre aquelas coisas que a gente quer escrever faz tempo porque, bem, agora a gente realmente precisa escrever. Entretanto, um post sobre o meu mapa astral inteiro (na verdade não é completo, vou cortar muita coisa sim) ficaria gigantesco, então resolvi dividir em 4 partes: duas sobre os planetas e duas sobre as casas. Is this cheating? I don't think so.

Nesta primeira parte falarei dos 5 primeiros planetas: Sol, Lua, Mercúrio, Vênus e Marte. Sim, Sol e Lua são planetas para a astrologia. Não questione, só segue o fluxo. Muitas das definições aqui presentes foram retiradas do site Chaos Astrology.

(Vale lembrar que aqui falarei apenas da posição dos planetas em relação às 12 constelações dos signos do zodíaco no momento do meu nascimento, sem levar em conta aspectos planetários ou outros trânsitos malucos dos quais eu não entendo.)

Sol em Peixes

Peixes é um signo muito ligado ao místico e ao universo da imaginação (por isso tem aquela fama de viver no mundo da lua), e acaba tendo uma tendência muito grande de correr atrás da própria espiritualidade. Se não isso, pode acabar criando outras formas de escapismos, até mesmo algumas perigosas, porque os piscianos são muito sensíveis à estímulos externos e algumas realidades são um tanto quanto insuportáveis para eles. Procuram sempre aquilo que transcende o “mundo real”. Justamente por serem extremamente sensíveis, podem acabar se isolando com certa frequência, para se conectar melhor com suas percepções internas, ao invés de ser tão influenciados pelo que acontece lá fora. O que pode ser bem problemático se o pisciano não souber sair desse estado. Há quem diga também que Peixes tem uma certa dualidade, chegando a ser ambivalente. Eu mesma concordo bastante com isso. Sinto que o signo de Peixes define muito bem quem eu sou por dentro, por mais que não seja tão aparente — a menos, é claro, que me façam escolher alguma coisa, porque essa ambivalência toda me faz ser a indecisão em pessoa.

Lua em Áries

Bateu de frente, é só tiro, porrada e bomba. Ou algo assim. Pra quem não sabe, a Lua tem muito a ver com a nossa maneira de reagir emocionalmente às diversas situações, e Áries é um signo que tem uma fama de estressadinho, risos. Esse planeta também representa o tipo de estímulo que nós precisamos pra nos satisfazer emocionalmente. Tendo a Lua em Áries, supostamente eu deveria ser um tanto quanto independente emocionalmente falando, e de certa forma até consigo ser, mas aquela coisa da sensibilidade do Sol em Peixes me quebra as pernas. Áries também gosta de desafios, mas gosta de resultados rápidos e por isso acaba sendo bem impaciente em algumas situações. Isso explica o porquê eu raramente faço coisas que demandam muito tempo: não tenho paciência pra isso não, rapaz. Esse signo também é bem direto quando se trata de expressar as emoções, não é do tipo que fica escondendo (embora também não faça um escarcéu), e muitas vezes pode soar grosso por ser honesto em relação a isso. Pra completar, é uma Lua bem impulsiva, e admito que tenho certa dificuldade em controlar esse lado.

Mercúrio em Aquário

Planeta regente da comunicação, representa também o ponto de encontro entre a razão e a matéria. É onde os pensamentos tomam forma, virando palavras e tornando-se comum aos outros. O signo de Aquário busca ser original e gosta bastante de abstrações (segundo o Wikipedia: “processo de pensamento em que as ideias são distanciadas dos objetos”). Pensa de maneira imparcial — na medida do possível, é claro — e costuma ser bem democrático. Acredita no mundo como unidade e chega a ser bem idealista, querendo por em prática aquilo que pensa. Admito que a minha interação com o mundo à minha volta é bem por aí mesmo; tento sempre ser imparcial e buscar o bem de todos, porque acredito que o bem estar coletivo também é o meu bem estar.

Vênus em Aquário

Chegamos no planeta que a gente sempre quer saber quando tem um crush: Vênus. Isso porque é o planeta que rege os relacionamentos, nossa maneira de amar e de se envolver com alguém. E enquanto eu amo ter Vênus em Aquário, eu odeio ter Vênus em Aquário. Porque é uma coisa muito louca mesmo. Muita gente acha que esse Vênus é só libertinagem por ser um tanto desapegado, mas cá estou eu pra dizer que não é bem assim que a banda toca. Desapego não é sinônimo de poligamia ou incapacidade de ter sentimentos intensos por uma pessoa. Simplesmente quer dizer que a gente não é do tipo que vai morrer de amores por alguém quando esse alguém for embora. Pra ilustrar isso, costumo dizer que eu tenho a capacidade de me apaixonar e superar em uma noite só. E consigo mesmo. Quando termina um relacionamento, eu não sofro pela pessoa. Eu sofro pelos traumas, sofro porque algo legal na minha vida acabou. Mas nunca por ainda gostar da pessoa. Esse desapego é muito real, mas não quer dizer que sou incapaz de gostar de alguém enquanto estou com esse alguém. Nesse sentido, eu sou bem apegada sim. Também é um signo que gosta de umas paradas diferentes, e por isso não é do tipo que vai fazer as coisas de um jeito convencional (namorar, casar e ter filhos). É um signo que vai tentar fazer as coisas de uma maneira mais única, por mais que para os olhos dos outros possa parecer mais do mesmo. Eu diria que esse Vênus procura mais um parceiro do tipo amigo pra acompanhar nas piras erradas do que um parceiro romântico que faz jantares à luz de velas e viagens. Em suma, acredito que o Vênus em Aquário preza mais a conexão mental entre os dois do que o resto. Pelo menos eu faço isso.

Marte em Leão

Outro planeta que a gente quer saber quando tem crush, porque tem um pouco a ver com a nossa sexualidade. Não no sentido de orientação sexual (dã), mas nossa maneira de lidar com essa questão. Mas também é o planeta da motivação, e é sobre isso que vou falar aqui. Vale lembrar que Marte é o planeta que rege todos os deuses das guerras nas diversas mitologias (pra quem estuda essas piras mágicas, isso faz sentido, eu juro). Confesso que essa parte do meu mapa eu acho bem confusa, porque não me identifico tanto. Isso porque Marte em Leão pode ser um tanto quanto autoritário, por colocar muita força e energia nas suas vontades. Não sei se sou autoritária (pelo menos nunca usaram essa palavra pra me definir), mas não sinto que forço os outros a agirem de modo que eu consiga o que quero. Claro que eu não vou ficar calada quando quero algo que não estou tendo e dependo de outros, mas eu tento conversar sobre isso pra chegar em um consenso, ao invés de simplesmente impor. Isso é mais visível nos meus relacionamentos amorosos, mas mesmo assim não acho que chego a exigir demais das pessoas, risos. Como podem existir alguns bloqueios na energia marciana, a situação pode inverter um pouquinho — que acho que é exatamente o que acontece comigo —, deixando a pessoa com problemas de autoestima, tímida, faltando ambição e coragem.

***

Vocês estão vivos ainda? Por favor, digam que sim. Sei que este post ficou comprido e cansativo, mas vai que alguém se interessa, não é mesmo? Ou quem sabe estou sonhando demais, mas se recompanham porque ainda tem mais 3 posts bem nesse naipe a caminho, risos. Pra quem leu e gostou: obrigada, você é 10/10. Pra quem leu e não gostou: poxa vida. Pra quem não leu: compreendo e te desejo tudo de bom.

Que Deus me ajude a terminar essa série de posts.

6 comentários

  1. Estou viva sim, Maria! E devo dizer que acho tudo isso bem interessante, mesmo não entendendo tanto quanto eu gostaria. Claro que lendo o que você escreveu, suas explicações e tal, fica ótimo de entender e interpretar, mas se alguém me disser que é Marte em Virgem (!) eu vou entender vários nadas. Você explicou tão direitinho sobre o Sol em Peixes que basicamente vi meu pai na sua descrição. É até curioso, enquanto homem, adulto, pai de família, o quanto ele consegue viver em seu próprio mundo, em seu universo particular. Essa coisa mística de peixes me encanta. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não entendo nada de ninguém não, só entendo do meu porque li as descrições do site HAUAUAH E que bom que cê tá viva, porque a parte 2 tá do mesmo tamanho que essa e a parte 3 tá maior ainda IAUGFUYER que delícia!

      Peixes é aquela coisa louca: ou os cara são muito viajado no seu próprio mundo, ou são uns pessimistas, meio deprê e escapistas que possivelmente usam drogas. Meu pai é do segundo tipo, tirando as drogas. Ele escapa da realidade nos hobbies dele (atualmente ele borda), o que é bom, mas ainda é ruim, HAHAH.

      Excluir
  2. Ai meu deus, eu não entendo absolutamente nada de signos (só sei, literalmente, o nome deles e a ordem). Esse post foi, na verdade, bem esclarecedor! hahaha
    O que eu mais me identifiquei (e acho que talvez seja igual no meu mapa astral) é Marte em Leão, porque eu sou uma pessoa bem autoritária. Tipo, BEM autoritária mesmo, mas é muito inconsciente, nem percebo.

    Eu li, estou viva e gostei de saber dessas coisas, então continue! hahahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, nem a ordem dos signos eu sei. Mas pra quem ainda tá decorando a ordem dos meses do calendário, acho que não tem problema, né?

      P.S.: Depois eu descobri que meu Marte é retrógrado. Basicamente isso quer dizer que aquilo que era pra ser, é o contrário. Era pra eu ser autoritária e ser uma líder nada, mas tenho muito problema com isso e me embanano toda com minha autoestima e autoconfiança porque Marte desembestou e resolveu andar pra trás na hora do meu nascimento. Esse bobão. :(

      Excluir
  3. Vou acompanhar sim porque adoro. Venus em aquario ♥ gosto muito

    queria muito participar do BEDA mas eu nem sei o que escrever hauhwui beijos

    monologos-perdidos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vênus em Aquário é tudo de bom <3 SDAÇLMASD Mas é meio ruim também porque né, nunca vou ter daqueles amores totalmente apaixonados que vai demorar 3 anos pra superar. Parece masoquismo mas aff queria ter tido algo assim :C

      Miga, também não sei o que escrever, não! Só se joga! Aqui nóis vai na loca mesmo ~Ç,SAD,~ÇADS

      Excluir